Atividades ao ar livre não excluem obrigatoriedade do uso de máscaras faciais
30/07/2020 09:59

As atividades ao ar livre em parques e espaços públicos foram liberadas na segunda feira (27) em todo o Piauí, e, com isso, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), por meio da Diretoria de Vigilância Sanitária do Piauí (Divisa), alerta a população para os cuidados durante a prática dessa modalidade.

Com a pandemia do novo coronavírus, uma nova realidade se apresenta e, por isso, é importante a adoção de algumas medidas preventivas para que haja um maior controle da propagação do vírus no estado, e, consequentemente, a redução de pessoas contaminadas com a Covid-19. “É importante que a população se junte às responsabilidades das ações e cumpram as orientações e recomendações dos órgãos de saúde”, disse a diretora da Vigilância Sanitária do Piauí, Tatiana Chaves.

Para facilitar o entendimento das ações preventivas, a Divisa elaborou um protocolo específico que propõe medidas às atividades físicas ao ar livre e define algumas responsabilidades com vistas ao gerenciamento do risco, entre elas, o uso obrigatório de máscaras faciais durante a prática das atividades. “Durante a prática das atividades ao ar livre deve-se se usar a máscara facial. Recomenda-se que os praticantes dessas atividades tenham a sua disposição uma máscara de reserva, caso ocorra alguma intercorrência, como umidade, sujidades, entre outras”, explicou Tatiana Chaves.

O Protocolo Específico orienta ainda sobre a preferência para a realização das atividades em espaços com pouca movimentação de pessoas, evitando aglomerações e ainda que mantenham o distanciamento de dois metros entre os praticantes de treinos (caminhadas, corridas, alongamentos, circuitos, ciclismo, treinos funcionais, etc.). “São medidas simples que estão ao alcance da população e que, se forem seguidas corretamente, com certeza os benefícios serão grandes e nós teremos menos pessoas sendo acometidas pelo novo coronavírus”, ressaltou a diretora da Divisa.

O documento proíbe ainda o uso de equipamentos de academias em espaços ao ar livre, inclusive em espaços públicos, até que seja feita a liberação gradual, devido ao risco de contaminação cruzada decorrente do compartilhamento de equipamentos. De acordo com o protocolo, esses aparelhos não são de fácil higienização a cada troca de praticante, o que inviabiliza o seu uso neste período.

Cuidados após a prática das atividades

Após a realização das atividades físicas ao ar livre, é preciso também tomar alguns cuidados. O Protocolo Específico para essas atividades recomenda que, antes de entrar em casa, as pessoas devem retirar os sapatos na porta e higienizá-los antes de guardar. Além disso, é necessário fazer a higienização das mãos antes de tocar as superfícies, bem como dos objetos utilizados durante a atividade, como garrafa de água, chaves, bolsas, celular, óculos e equipamentos, como skate, bicicleta, bola, entre outros. Recomenda-se tomar banho e usar roupas limpas;

Todas as medidas preventivas do Protocolo Específico para a realização das atividades físicas ao ar livre está disponível no site da Vigilância Sanitária do Piauí (www.saude.pi.gov.br/divisa).

Com informações CCom


Imagem: HZM
RUA DESEMBARGADOR MOTA, S/N - BAIRRO MONTE CASTELO/TERESINA-PI / CEP 64016-270 - TELEFONE (86) 3326 2300. Copyright © 2019 - TV Assembleia - Assembleia Legislativa do Piauí